mkt@solucoesdeaz.com.br/ Março 8, 2018/ Gestão Financeira/ 0 comments

Por que devo me preocupar com a gestão financeira da empresa?

A falta de planejamento em relação aos aspectos financeiros é uma das principais razões para o fracasso de empresas no Brasil. De acordo com estudo realizado pelo Sebrae, 23% das empresas brasileiras fecham suas portas nos dois primeiros anos de vida.

Para uma empresa sobreviver e se manter num mercado cada vez mais competitivo, é necessário que o dono do empreendimento tome duas decisões apoiadas em informações precisas e atualizadas.

A seguir, aponto algumas dicas que podem ajudar.

A primeira é elaborar e manter os relatórios gerenciais (controles financeiros) sempre atualizados. A segunda é acompanhar periodicamente os indicadores financeiros. O empresário não pode se esquecer de manter os estoques em níveis compatíveis com o volume de vendas e evitar os excessos de compras.

A lista de recomendações também inclui a determinação de um valor fixo e data fixa para pagamento do seu pró-labore (o salário do proprietário ou sócio), não esquecendo de limitar seu valor dentro das possibilidades da empresa.

Outra dica importante é adotar políticas de formação de preços de venda, que mantenham a empresa competitiva do negócio.

Outra recomendação é o empresário deve evitar os descasamentos de prazos entre pagamentos de compras com os recebimentos das vendas a prazo.

Para que essa gestão seja eficaz, não deixe de planejar, organizar, controlar e analisar todas as atividades financeiras da sua empresa.

Ao realizar uma boa gestão, você contribui para que sua empresa tenha um diferencial no mercado e para a redução dos riscos financeiros que ela pode sofrer. É essa gestão que garantirá a saúde do negócio.

Fonte: Sebrae-Wagner Paludetto

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>
*
*